Tag Archives: tv

Fantástico visita escola em Portugal

Ontem foi ao ar no Fantástico a reportagem gravada em Portugal do quadro “Conselho de Classe” do Fantástico. (Eu já tinha anunciado o teaser aqui!). Os professores-personagens da série visitaram a Escola da Ponte que fica em Vila das Aves, freguesia do concelho de Santo Tirso no Distrito do Porto.

Me emocionei com a praxe cantando “Ai se eu te pego” a beira do Douro, em Vila Nova de Gaia. Foi bom rever o metro-mais-lento-do-mundo: Tenho quase certeza que consigo caminhar mais rápido do que o metro do Porto. Fiquei narrando pros meus pais (que assistiram a reportagem comigo) os sítios que apareciam nas filmagens… locais que conheço mais-do-que-bem! Enfim, adoro ver Portugal na tv, em especial o Porto.

Na reportagem só aponto duas falhas:

1) Por que mostram um avião da Gol decolando se todos sabem que quem voa para Portugal é a TAP? Ok, foi só para ilustrar… mas ficou tosco!

2) Legendas para a portuguesinha? Me senti em Portugal assistindo um madeirense ou um açoriano a falar na tv (pois o povo do continente parece não entender o que os irmãos das ilhas falam…). Enfim, meio exagerado né? Acho que dava para entender perfeitamente o que a miúda estava a falar.

No mais achei tudo muito fixe 🙂 Além disso, super válida a comparação do ensino brasileiro com o português. Ok, a Escola da Ponte talvez seja uma modelo quase-utópico, mas é possível, não é? Enfim, sem discutir métodos de ensino, vale a pena uma boa analisada na postura dos alunos.

7 comentários

Filed under Brasil, Porto, Portugal

O Brasileirissimo de Aguinaldo Silva

Há cerca de um mês, li num desses sites de fofocas alguns spoilers sobre a atual novela das nove da Rede Globo, Fina Estampa. Enquanto os portugueses estão ainda a assistir Insensato Coração (o Léo morre no final HÁ!), por cá nos divertimos (?) com as crueldades (!) de Tereza Cristina.

Christiane Torloni interpreta a vilã da trama. Ela é casada com um cozinheiro chamado René, que trabalha em seu restaurante, o Le Velmont. Essa semana era irá demiti-lo (sim, ela vai demitir o marido do próprio restaurante porque ela é a ryca!). Enfim, segundo o que li no tal site de fofoca, René vai abrir seu próprio restaurante, que supostamente irá se chamar Brasileirissimo.

E esse restaurante existe de verdade! Fica em Lisboa, serve petiscos brasileiros, tem cerveja de cá e cachaça. E adivinha quem é proprietário!? Sr. Aguinaldo Silva, o autor da novela Fina Estampa.

Cerveja brasileira

Aguinaldo Silva, o proprietário do Brasileirissimo

Eu bem que desconfiava que ele tinha um pezinho do lado de lá. Pensa bem: A outra personagem principal dessa novela chama-se Griselda (interpretada por Lília Cabral) e é imigrante portuguesa. O ator Paulo Rocha (que é lisboeta) interpreta Guaracy, um portuga dono de tasca (conforme já postado aqui). Fora que esses dias ainda vi na tv que uma das oito casas do Aguinaldo Silva fica em Lisboa. Aliás, acho que ele deu uma entrevista para alguém diretamente de lá, ou seja, suponho que alguns capítulos de Fina Estampa sejam literalmente importados da terrinha 😛

A conexão Brasil-Portugal em novelas brasileiras parece estar se fortalecendo cada vez mais. Primeiro importam Ricardo Pereira e o ensinam a falar brasileiro. Lembro ainda que estava em Portugal quando gravaram cenas da novela Viver a Vida em Lisboa. Em outra novela havia um núcleo de tugas. Agora, em Fina Estampa, a personagem principal é portuguesa, há um português de verdade (atuando com o sotaque que eu a-do-ro e tudo!) e o restaurante do autor ainda vai entrar na trama (mega publicidade, hein Aguinaldo!?). Não esquecendo também da nova sede da Rede Globo em Lisboa.

Vamos dominar a terrinha lol (ou a terrinha quer nos dominar novamente?)

Obs.: Espero que observem que o post foi baseado num spoiler, ou seja, pode ser que não se confirme. No entanto, na mesma fica a dica do restaurante e a informação de que Aguinaldo Silva é o dono.

9 comentários

Filed under Brasil, Portugal

Oporto no Fantástico

O Fantástico é um programa de televisão da Rede Globo exibido no domingo a noite há 38 anos. Não se trata de um telejornal, nem puro entretenimento. Na verdade, é um tipo de mistura dos dois: uma revista eletrônica.

Em novembro, estreou um quadro chamado “Conselho de Classe”, no qual a rotina de quatro professores de escola pública é narrada. A série de reportagens parece ter sido gravada entre setembro e outubro desse ano – pois mostraram a festa do Dia do Professor no episódio de ontem (o dia dos professores é comemorado em 15 de outubro!).

Enfim, após assistir os 10 minutos da reportagem de ontem, a chamada para o episódio do próximo domingo me estremeceu. Vi o metro amarelinho do Porto, reconheci de cara a Ponte Dom Luís e alguns trajados cantando “Ai se eu te pego”, do Michel Teló (sim, os portugueses já aprenderam a cantar a última música do Michel Teló!).

No próximo domingo o Fantástico vai mostrar uma escola-modelo que fica no Porto, Portugal. Aliás, os quatro professores que estrelam o quadro viajaram ao Porto para conhecer essa escola. O teaser do episódio está aos 09:56 do vídeo abaixo. É curtinho, mas já dá pra se emocionar um bocado.

Para quem está em Portugal e não é assinante da Globo Internacional, pode sempre assistir ao Fantástico via Youtube (tem sempre uma boa alma que o posta nas segundas-feira!). Aos brasileiros que querem sentir um bocadinho do Porto, fica a dica para assistirem ao Fantástico no próximo domingo, 11 de dezembro. Eu não vou perder 🙂

5 comentários

Filed under Brasil, Porto, Portugal

Lisboa é a nova casa da Globo na Europa

Na segunda-feira, 17 de Outubro, a Rede Globo inaugurou sua sede em Lisboa. Enviando currículo em 5, 4, 3, 2, 1 🙂

É ponto para uma maior aproximação entre Brasil e Portugal. Bom para os brasileiros que começam a dominar “de cantinho” a Europa, e bom para os portugueses que tem a possibilidade de estreitar os laços com um país com altas taxas de crescimento.

A Globo já é super conhecida entre os portugueses. Alguns tem o canal em casa, que é pago (cerca de 10 euros por mês!). Além da Globo, a Record também está presente na grade de programação da tv a cabo portuguesa.

11 comentários

Filed under Brasil, Portugal

Os cotistas portugueses

Certa vez, eu estava a assistir tv em Portugal quando me deparei com a atriz Joana Balaguer (uma que fez Malhação há 29 mil anos). Parece que ela se mudou para Portugal por causa do namorado e já estava fazendo novela ou algo do tipo.

Meu namorado até brincou: “Agora tem cota para brasileiros inclusive na televisão”. Sim, porque os brasucas estão por todos os lugares em Portugal (só falta dominar a tv mesmo!).

Eu sempre brinquei que as colônias estavam a dominar a metrópole e creio que isso é realmente o que acontece. Dos 10,5 milhões de habitantes em Portugal, aposto que pelo menos 20% é imigrante ou mistura de África ou Brasil (conheci muitos colegas portugueses que tinham mãe africana ou brasileira… acho, sinceramente, que os tugas preferem as latinas!).

Mas o fenômeno contrário também já pode ser registrado. Primeiro Ricardo Pereira aprende a falar brasileiro e encarna seu primeiro papel-não-tuga na novela das oito da Globo. Ricardo já é famosinho por aqui, mas nunca tinha encarado um personagem brasileiro (sempre foi “o Manel di Purtugau” nas novelas…).

Ricardo Pereira como o brasuca Henrique

Já na nova novela Fina Estampa, uma das personagens principais da ficção é imigrante portuguesa no Brasil (a Griselda), enquanto o dono da barzinho do bairro é um gaIjo português de Lisboa, interpretado pelo ator também português Paulo Rocha.

Guaracy: O português do horário nobre da Globo

É, amigo. Pelo visto vamos nos acostumar com o sotaque português à força. Se bem que daí fica tudo elas-por-elas, pois os português já estão acostumados a escutar nossos funks, pagodes, sertanejos, bem como a ver nossas novelas importadas da Globo e Record. Eu acho fixe a gente absorver um pouco mais da cultura contemporânea dos nossos “descobridores” 🙂

2 comentários

Filed under Portugal

Portugueses pelo Mundo

Para aqueles que não sabem, eu não namoro um português. O nome dele é Filipe, ele tem um sotaque mais-do-que-fofo (eu gosto, tá?) e é um dos sócios do Vendder, apoiador desse blog 🙂

De novembro de 2010 a abril de 2011, ele e seu sócio Tiago estavam a viver em Santiago do Chile, participando de um projeto chamado Start-Up Chile. Eu estive lá durante algumas semanas para ajudar no negócio. Aliás, o Tiago ficou por lá mesmo depois do término do projeto, não retornando a Portugal (acho que ele também gostou das mulheres latinas hehe).

Por conta da mudança para o Chile, o Filipe e o Tiago foram convidados pela RTP a participar do programa de tv “Portugueses pelo Mundo”. (Chic demais!).

O episódio foi ao ar na semana passada e já está na íntegra no Youtube. Posto aqui a parte 2 do programa (que é onde meu namorado aparece a partir do minuto 10:45). Olha aí!

Para aqueles que quiserem ver o programa na íntegra, joga no Youtube que tem as três partes lá 🙂

Deixe um comentário

Filed under Mundo, Portugal

Quem quer ser Milionário?

Eu não costumava assistir televisão em Portugal. Aliás, passei quase dois anos avessa a essa tecnologia, até que fui morar com meu amigo André. Eu nunca assisti tv por dois motivos: O primeiro é que eu não tinha em casa; o segundo é que eu tinha coisas mais interessantes pra fazer do que ver tevê. Quando fui morar com o André em novembro de 2010, o hábito voltou: 1) O André tinha televisão; 2) Era inverno!

Meu programa preferido da tv portuguesa é Quem quer ser Milionário – Alta Pressão da RTP 1 (Sim, existe uma RTP 2!). Eu gosto um monte do apresentador, o José Carlos Malato. Ele é tipo um Faustão português – só ainda não fez a cirurgia de redução do estômago hehe. (Só pra constar: O Malato é bem mais inteligente e faz piadas MUITO melhores do que o Fausto Silva…).

O programa é bem parecido com o Show do Milhão, apresentado pelo Sílvio Santos no SBT. Uma série de perguntas, seis concorrentes e um prêmio de €100.000. Eu nunca vi alguém ganhar o prêmio máximo, até porque, a cada competidor que é eliminado, a quantia diminui. O programa leva o “Alta Pressão” no nome porque as perguntas devem ser respondidas num curto intervalo de tempo.

Posso dizer que aprendi muito da cultura portuguesa e europeia nesse programa. Eu não sabia responder a maioria das perguntas, pois daí que acabei aprendendo o nome de personalidades, programas antigos de tv, história geral, um pouco sobre música, geografia, arte e sociedade. Muito embora eu seja um pouco contra o uso intensivo da tevê, creio que é um ótimo meio para aprender um pouco de tudo, em especial, quando se está a morar num país diferente.

Achei esse vídeo aqui no Youtube. Última pergunta, tensão no ar e um participantes muito confiante. Mas algo, de repente, acontece… hehe

#aiquedóóó

1 Comentário

Filed under Portugal