Tag Archives: festa

Réveillon no Porto

No Brasil todos querem ir ao Rio de Janeiro no Ano Novo ver os fogos de artifício pelo menos uma vez na vida. A Rede Globo faz a contagem dos minutos do novo ano todos os anos e transmite ao vivo as imagens da praia de Copacabana. Creio que a minha família não é a única que acompanha a contagem regressiva pela tv.

Os fogos do Rio duram 16 minutos. Sempre ouvi falar que era um dos maiores em duração. Confesso que sempre desconfiei desse dado, especialmente após presenciar os fogos no São João do Porto.

Através de uma rápida pesquisada na Internet, encontrei um vídeo da queima de fogos realizada ontem no Porto. Foram 15 minutos. Com certeza, em Sidney, Paris e Nova York devem haver espetáculos similares ou até maiores.

Alegar que os fogos de artifício da virada de ano no Rio são maiores do mundo não seria o mesmo que chamar os brasileiros de inventores do carnaval?

#ficadúvida

Enfim, um Feliz Ano Novo aos meus leitores fiéis e aos visitantes anônimos. Que 2012 seja o melhor ano de nossas vidas 🙂

10 comentários

Filed under Brasil, Porto

Aniversário, Natal e Ano Novo longe de casa

Eu sempre fico muito agitada nos dez últimos dias do ano. No 21 comemoro meu nascimento. Em 25, é a festa do nascimento de Jesus. Na noite do 31, nasce um novo ano. É um bocado de coisa para comemorar em apenas dez dias! Fico até mais-agitada-que-o-normal nesses dias…

Nos últimos dois anos (2009 e 2010), comemorei aniversário, Natal e Ano Novo longe de casa. No primeiro ano foi um pouco estranho. A gente nunca sabe muito bem o que fazer ou como comemorar. Mas acho que isso é trauma de primeira vez. Depois dá para encarar tranquilo a sensação de peixe-fora-do-aquário-longe-da-família-e-dos-amigos.

Sempre faz calor no meu aniversário. É o dia de maior insolação no Hemisfério Sul do planeta Terra, ou seja, temos pelo menos 14 horas de dia claro. É solstício de verão, marcando o início da estação mais quente do ano. Bom, pelo menos, era essa a imagem que eu sempre tive antes de viver na Europa.

Em 2009 fiz um diário fotográfico do meu aniversário por dois motivos. Primeiro pelo simples registro da comemoração diferenciada da data que eu mais gosto no ano. Segundo para postar aqui no blog como parte da minha experiência de vida em Portugal.

Em 2010, comemorei meu aniversário só porque meu amigo André insistiu. Eu tinha dois trabalhos (um no shopping e outro num hostel), mas as aulas na faculdade já tinha entrado em recesso de final de ano. Fui comer uma Francesinha com os amigos a noite, num restaurante na Boavista. Minha amiga Alice fez meu bolo (aliás, ela é a melhor fazedora-de-bolos-de-aniversário que eu conheço!). O jantar foi rapidinho, pois eu tinha que acordar cedo no dia seguinte, mas valeu a pena.

Eu tinha esquecido da câmera fotográfica quando saí de casa de manhã, então liguei para minha amiga Tati levar a dela. Tiramos algumas fotos, só para gravar o momento mesmo. Eu pedi a Tati que me enviasse as fotos diversas vezes, e nada! Até que ontem, dia 21 de dezembro de 2011, eu pedi novamente. Aliás, ontem foi meu aniversário (de novo!) então ela poderia fazer um esforço e me enviar as fotos como presente.

Filipe, eu, bolo da Alice e André. Obrigada pela foto, Tati 🙂

Meu primeiro Natal em Portugal pareceu mais com “uma festa na casa de alguém”. Cada um levava sua bebida (e, nesse caso, algo para comer). E pronto, foi isso. Conheci algumas pessoas, conversei com os amigos e comi um bocado. Em 2010, passei o Natal na casa dos meus sogros. Foi uma experiência diferente, especialmente pela comida. Ao invés de peru, tivemos algum fruto do mar (lulas, se não me engano). No entanto, achei melhor passar a noite com uma família, pois acho que esse é o verdadeiro sentido do Natal – mesmo isso parecendo um pouco piegas talvez… Enfim, ganhei presente e tudo do Pai Natal (leia-se “minha sogra” hehe).

Natal de 2009 com conhecidos e nem-tão-conhecidos-assim

O Natal de 2009 foi espetacular. Conheci meu namorado em outubro (na época, obviamente, ele não era meu namorado, mas sim um desconhecido). Enfim, o tal desconhecido logo me convidou para ir viajar no Ano Novo para Budapeste. Eu fiz cara de “você-é-doido-acabou-de-me-conhecer”, mas acabei aceitando (vai ver porque eu sou doida também).

Em Budapeste faz MUITO frio no final do ano. FRIO FRIO e FRIO. Foi lá que eu vi neve pela primeira vez – foi pouquinho, mas eu me recordarei pra sempre! Apesar da sensação de freezer, as pessoas saem a rua para assistir shows em palcos montados em praças. Há centenas de barraquinhas vendendo perucas e outros acessórios coloridos. Algumas outras barraquinhas vendem vários tipos de comidas e bebidas. As lojinhas non-stop ficam non-stop de gente entrando e saindo. Foi bem legal 🙂

Em Budapeste no último dia de 2009

Em 2010, passei o Ano Novo no Porto. Um pessoal do couchsurfing estava a enviar convites para uma festa no quarto andar de um prédio semi-abandonado no centro do Porto, na avenida dos Aliados. Lá de cima dava pra ver toda a multidão aguardando pelos fogos, que saem por detrás e do topo da Câmara do Porto. Foi legal também.

Acho que Ano Novo na Europa é tudo de bom. Talvez o Natal não seja tão bom assim porque se está longe da família… Comemorar o aniversário longe de casa também é algo do qual não sou muito fã. Gosto de reunir meus amigos todos e não só parte deles. O que posso dizer dessas experiências? É que na segunda vez é muito melhor 🙂

1 Comentário

Filed under Europa, Portugal

Os cabazes de Natal do Pingo Doce

O Pingo Doce decidiu seguir a onda dos cabazes e criou kits especiais de Natal. São três opções que custam 15 euros cada. €15 euros equivalem a cerca de 35 reais. Todos os kits incluem bacalhau, tradição comum na mesa portuguesa no Natal.

Aqui no Brasil, comemos chester ou peru. Em Portugal, creio que o prato principal é quase sempre oriundo do mar: Lula, bacalhau, outros tipos de peixes, polvo, entre outros. Acho isso um bocado engraçado, pois peixe me parece uma comida “mais tropical” do que frango. O mais natural seria invertermos nosso cardápio com o português!

Além do bacalhau, os cabaz 1 inclui vinho, azeite, Bolo Rei e chocolate. (Eu não gosto de Bolo Rei, pois frutas cristalizadas não me apetecem, mas recomendo às pessoas que o provem, pois faz parte da tradição de Natal portuguesa). No segundo cabaz, são duas garrafas de vinho, duas garrafas de azeite e chocolate. (Esse é o cabaz que eu compraria!). O outro é composto de vinho, azeite, duas barras de chocolate e uma Coca-Cola 2 litros (aliás, acabo de descobrir que a Coca-Cola 2 litros custa €1,49 em Portugal!!!).

1

2

3

Quem quiser outras informações sobre os cabazes de Natal do Pingo Doce, clica aqui!

4 comentários

Filed under Portugal

Homenagens do Google a Portugal

Todo mundo sabe que de vez em quando o Google muda de logo para homenagear algo ou alguém. Resolvi ir a página dos doodles do todo poderoso e checar quantas vezes o google.pt teve um logo lúdico esse ano.

No dia 2 de fevereiro, o Google homenageou Vitinho, desenho animado de grande sucesso em Portugal que ficou no ar entre 1986 e 1997 pela RTP.

Doodle comemorativo dos 25 anos de Vitinho

Dois dias depois, em 4 de fevereiro, o aniversário de Almeida Garrett foi comemorado com um Doodle. O escritor, dramaturgo, poeta e também político, nasceu em 1799 na cidade do Porto. Veja a foto da casa dele clicando aqui (quem sabe você identifica ela em andanças pelo Porto hehe).

Almeida Garrett foi visconde de Portugal

O aniversário de 123 anos de Fernando Pessoa (e seus heterônimos) ganhou um Doodle no dia 13 de junho.

“Se depois de eu morrer, quiserem escrever a minha biografia,
Não há nada mais simples.
Tem só duas datas – a da minha nascença e a da minha morte.
Entre uma e outra todos os dias são meus.”

Pessoa é lisboeta. Nasceu e morreu na capital tuga.

Mais recentemente, em 23 de julho, o Google fez graça com os 91 anos d nascimento de Amália Rodrigues, a Rainha do Fado. Para quem não sabe, o fado é a música “típica” de Portugal, como o tango para os argentinos ou o samba para os brasileiros. Amália morreu em 1999 aos 79 anos.

O web site oficial da artista é http://www.amalia.com

Deixe um comentário

Filed under Portugal

A recepção aos estudantes estrangeiros (e brasucas) da Universidade do Porto

Em alguns dias, começa mais um ano letivo na Europa. No Brasil, já está todo mundo de mala pronta para embarcar rumo a um ou dois semestres de intercâmbio na Universidade do Porto, em Portugal. (Tá, tem gente de mala pronta para estudar em outras universidades europeias, mas, enfim, esse blog foca no Porto então é disso que vamos falar…).

A essa hora, estão (quase) todos com as cartas de aceite e vistos em mãos. O Google Maps deve ter se tornado aliado, pois na hora de decidir onde morar precisamos ter noção da distância de casa até o campus, se fica longe do centro, se tem transporte e etc. Para aqueles que ainda estão a pensar em comprar roupas, DESISTAM! Se eu pudesse dar um conselho (e cobrar por ele) seria esse: Esqueça tudo o que você sabe sobe preços de roupas e troque o guarda-roupa em Portugal. Diria mais: Vá apenas com uma mala de mão ou encha a mala com miojo lol

Bom, mas isso já é assunto antigo… quem acompanha esse blog já tá esperto nesses quesitos 🙂

Então vamos ao que interessa: O que o estudante brasileiro ainda não sabe (e talvez gere um friozinho na barriga). A partir da próxima semana, começam as reuniões de apresentação na Reitoria da Universidade do Porto. Dona Luisa Capitão (que não é uma senhora, mas sim uma das jovens portuguesas mais bonitas daquela cidade) vai receber grupos de estudantes para apresentar os procedimentos da universidade e trazer alguma informação sobre a cidade, como pontos turísticos, funcionamento do transporte público, explicações gerais sobre NIF, contas bancárias, centros de saúde… enfim, uma infinidade de tópicos que os leitores desse blog já estão (quase) carecas de saber 🙂

Fred e eu falando da Brasup em uma das reuniões de apresentação em agosto de 2010

Eu entre duas intercambistas brasileiras 🙂

Até o ano passado, a Brasup participava dessa reunião. Eu ajudei inclusive na organização da festa de boas-vindas em setembro de 2010. Foi mesmo fixe. Não sei como anda o funcionamento da associação no momento. Só sei que o site continua lá, e de vez em quando eu atualizo (tá bem, faz séculos que eu não atualizo, mas talvez é porque eu esteja meio desatualizada…).

A reunião dura cerca de hora e meia. Quer uma dica: VAI! É bem provável que você conheça seus melhores amigos do intercâmbio nessa reunião (foi o que aconteceu comigo). E não pense que você sabe tudo sobre a cidade só porque pesquisou no Google. Embarque preparado, mas não abra a mão de aprender jamais. Sugue o máximo. Dona Capitão sabe muito 🙂

Depois de finalizadas as duas ou três semanas de reuniões em pequenos grupos, a UP organiza uma recepção oficial para os estudantes estrangeiros. Na famosa “chamada dos países”, o Brasil sempre se destaca (É O MÁXIMO!). Às vezes vai um pessoal das tunas se apresentar (se você não sabe o que é tuna, pesquise sobre a praxe no Google). Após os discursos e apresentações oficiais, todos brindam o chamado Porto de honra. Ah, fora que tem comida grátis (boa pedida para os “miserasmus” que não querem gastar seus eurinhos com comida: Comer pra quê quando se está em Europa, hein?).

Eu e meus quilos a mais com meus ex-companheiros de casa em setembro de 2009 (curtindo um vinho e comida grátis na recepção oficial da UP)

2 comentários

Filed under Porto

Pitbull

Tempos áureos eram os que eu e minha amigas dominávamos o palquinho do Gare. O palco já nem existe mais, e a danceteria já não é mais a mesma.

Se eu fosse fazer uma aposta, metia todas minhas fichas no Pitbull. Até o início desse ano, eu nem sabia da existência. Agora já não sai mais da rádio, do Top TVZ e da MTV. Com certeza, o som do verão europeu lol

Give Me Everything Tonight deveria ser hino dos intercambistas do primeiro semestre 2011/2012 (equivalente ao segundo semestre desse ano no Brasil). Fecha direitinho com o Erasmus lifestyle 😛

On the Floor, da Jennifer Lopez, mistura Pitbull e um dos meus ritmos preferidos: A lambada!

Até mesmo a queridinha da Copa do Mundo de 2010 gravou com o cara. Shakira e Pitbull em Rabiosa.

Além dessas três músicas serem o máximo, preste atenção nos clipes. Eles têm o clima das festas Erasmus de Portugal (festas que você vai e não gasta uma fortuna como no Brasil). Chega a ser constrangedor dizer que o carnaval brasileiro é a melhor festa do mundo…

Deixe um comentário

Filed under Europa

Jingle Bell 2010

Ontem a noite fui a festa de Natal organizada pela Reitoria da Universidade do Porto para os estudantes estrangeiros. Tudo bem que ainda continuo sendo uma estudante estrangeira, mas não mais de intercâmbio. Já sou aluna inscrita e matriculada na UP (sim, é importante utilizar os dois verbos por motivos legais…).

Enfim, por ser membro da diretoria da Brasup, lá fui eu. Levei até uma prendinha. Empacotei de última hora, com folha de ofício e grampeados. Mas o presente nem era tal mal. A embalagem ficou um pouco feia, mas o porta-retrato que tinha dentro é bem útil 🙂

A prenda que ofereci ao meu amigo secreto que é tão secreto que nem eu mesma sei quem é!

Ganhei uma caneca com desenhos de Natal. É gira. Foi um menino da ESN fantasiado de Pai Natal quem me deu – no ano passado a Reitoria chamou o Pai Natal de verdade para entregar os presentes… Esse ano, vestiram umas pessoas com barba e roupa vermelha… Até parece que eu não ia reparar 😛

Comemos todos bacalhau com natas e lasanha vegetariana, o mesmo cardápio do ano passado. Antes da entrega dos presentes, um grupo de estudantes fez uma apresentação de dança. Parece que eles frequentavam algum curso promovido pela ESN de danças latinas, mas não tenho a certeza. Eu gostei da música e da coreografia. Bem divertido 😀

Pessoal reunido para assistir a apresentação

Eu não atinei de gravar a apresentação na hora, mas de certo muitas pessoas o fizeram. Portanto, dentro de alguns dias, alguém mete no YouTube e dá pra ver de novo .o/

Deixe um comentário

Filed under Vida Portuguesa